Boavista FC - Temos Tradição no Voleibol Português.

34 Anos a formar atletas sob o lema "Aprender, Praticar e Vencer.

Boavista FC tem novos equipamentos para Época 2016-2017

Todo o voleibol axadrezado será equipado pela conceituada marca Cofides (POR).

Prof. José Machado assume novo desafio

Prestigiado técnico português é o novo coordenador técnico do voleibol axadrezado

Panteras têm novo treinador principal

Prof. Carlos Simão é o novo "timoneiro" das seniores axadrezadas

Destaque semanal

Iniciadas vencem primeiro jogo oficial da época 2016-2017

domingo, 28 de abril de 2013

Fase Final 2012/2013 - Atlético VC sagra-se campeão nacional II divisão

Apesar da nossa vitória no jogo de hoje frente ao Clube K, o triunfo da formação do Atlético VC sobre o CV Lisboa garantiu-lhe o título de campeão nacional da II divisão e respectiva subida ao escalão máximo do voleibol feminino português.

Depois do primeiro lugar na 1ª fase do campeonato, depois do primeiro lugar na Série dos Primeiros, é com muita tristeza que vemos este título escapar-nos novamente no último dia de uma Fase Final concentrada. Uma equipa que mostrou qualidade e classe mais do que suficientes para voltar à I divisão, uma equipa que liderou de Outubro de 2012 a Abril de 2013 morre desta forma na praia. Injusto? Seguramente que sim, disso não há dúvidas, mas são as regras do jogo e no início da época os regulamentos já estavam estabelecidos.

A formação do Atlético VC fez um campeonato equilibrado, sempre seguindo de perto o líder Boavista, mas sem conseguir terminar a Série dos Primeiros à sua frente. Para a Fase Final a equipa de VN Famalicão preparou-se muito bem e soube vencer todos os adversários no momento certo na hora exacta, e contra factos não há argumentos, o AVC venceu os três jogos e por isso é um justo vencedor desta Fase Final. Um título que premeia um trabalho de base que tão bons resultados tem obtido, e este foi o expoente máximo, um título nacional e a participação na I divisão. Parabéns às novas campeãs e o desejo de uma boa participação no escalão máximo, são os votos do Departamento de Voleibol do Boavista FC e do Blogue BoavistaVolei.

As restantes duas equipas, CV Lisboa e Clube K, também estão de parabéns, foram grandes equipas que tornaram esta competição das mais equilibradas dos últimos tempos, foram dignos participantes nesta Fase Final. As lisboetas foram uma das mais agradáveis surpresas da época, e o 3º lugar é um prémio mais do que justo, fruto de uma evolução notável durante a época. As açorianas do Clube K mostraram o porquê do seu domínio na Série Açores, uma equipa de grande qualidade e com uma garra digna de registo, os Açores devem-se orgulhar do seu representante nesta Fase Final.

Grande ponto positivo foi o ambiente vivido nas bancadas, com o pavilhão cheio na maioria dos jogos. Assim vale muito a pena ir ao voleibol. Uma atmosfera fantástica em jogos dignos da I divisão.

E assim terminou a época oficial das nossas seniores. Obrigado pelo vosso esforço Panteras, vocês queriam mais, todos os adeptos queriam mais, eu pessoalmente queria mais... mas que ninguém tenha a ousadia de algum dia vos apontar o dedo por não terem dado o máximo pela camisola Axadrezada. Foram grandes, foram enormes... choremos pois então... mas choremos de cabeça bem levantada. A frase já é batida, mas na hora da tristeza escrevo um "FORÇA PANTERAS!!" com a mesma convicção com que escrevi a mesma frase em todos os inúmeros momentos de alegria que me deram durante a época.


Fase Final 12/13 - Panteras vencem na última jornada da Fase Final e sagram-se Vice-Campeãs Nacionais

Boavista FC 3 - 1 Clube K
22-25 / 25-20 / 25-20 / 25-21

À entrada para a terceira, e última, jornada da Fase Final 2012/2013 a equipa do Boavista só tinha um objectivo em mente, vencer para manter esperanças de terminar a competição em 1º lugar e levar a taça de campeão nacional da II divisão para o Bessa. O adversário era a equipa açoriana do Clube K e as Axadrezadas cumpriram vencendo por 3-1.

Para o último jogo oficial da época o técnico Paulo Pardalejo escalonou a seguinte equipa: 2- Ana Fernandes, 4- Sofia Lima, 6- Sofia Pimentel, 7- Amanda Rocha, 8- Joana Ferraz, 9- Rita Matos, 10- Mariana Teixeira (Cap.), 11- Rita Losada, 12- Catarina Martins, 14- Joana Fernandes, 15- Sofia Gomes e 16- Mafalda Sousa.

As Axadrezadas entraram bem no 1º set, conseguindo vantagens de 4-2 e 8-6, mas um bom parcial de 0-5 por parte das adversárias colocava o marcador em 8-11, o que punha a nossa equipa em sentido, e a resposta não se fez esperar com uma reviravolta completa no "score" para 15-12. O jogo entrava agora numa fase de muito equilíbrio com as açorianas a posicionarem-se novamente na dianteira por 16-18. Eram apenas dois pontos de diferença, mas as portuenses não mais iriam conseguir dar a volta ao marcador e após o 21-23 o Clube K acabaria mesmo por chegar à vitória por 22-25, deixando o público Axadrezado bastante apreensivo.

Não havia volta a dar, a partir deste momento o Boavista tinha que vencer os restantes três sets do jogo. No 2º set a equipa do Clube K entrou bem e colocou-se na frente por 5-8, ao que as Boavisteiras responderam para 8-8, de seguida os dois conjuntos dividiram os pontos entre si até que se chegou ao 11-12, momento em que as Boavisteiras descolaram no marcador, obtendo o 15-12. Sem nunca dar tréguas à nossa equipa, a formação dos Açores recuperou e chegou a distar apenas um ponto no 19-18, mas o Boavista tinha mesmo que ganhar e o "forcing" final acabou por ditar a vitória por 25-20.

O 3º set teve um inicio bastante equilibrado, com as equipas a lutarem por cada ponto em disputa, a primeira vantagem digna de realce foi obtida pelas meninas do Bessa no 10-7, mas as açorianas souberam manter a calma e viraram o jogo por completo para 12-15. A nossas seniores não se podiam desconcentrar e com tranquilidade foram recuperando ponto a ponto até o empate a 16-16 para logo depois passarem para a frente por 18-16, este seria um momento importante no set pois a equipa do Clube K não iria mais passar para a frente. Os parciais de 22-19 e 24-20 anteviam o 25-20 com que se chegava ao final do set.

As Panteras entraram com tudo no 4º set, com uma precoce vantagem de 5-1, e quando tudo parecia correr bem, eis que a formação insular logrou chegar ao 5-6 e o jogo ficou taco-a-taco até ao 11-10, altura em que as comandadas por Paulo Pardalejo fizeram um fantástico parcial de 11-2, deixando o marcador em 22-12 e tudo parecia resolvido. Mas alguma desconcentração momentânea da nossa equipa permitiu uma nova boa recuperação, desta feita pelo Clube K que reduziu a desvantagem para 23-20. Mas perante esta adversidade as Axadrezadas souberam manter o sangue frio e fecharam o set no momento certo no parcial de 25-21.

Vitória justa mas muito suada perante um adversário de muita qualidade que dificultou ao máximo a tarefa das Panteras. Três importantes pontos que deixam tudo em aberto, agora há que esperar pelo resultado do jogo Atlético VC - CV Lisboa para se decidir o título de campeão nacional da II divisão. O nosso trabalho... está feito. FORÇA PANTERAS!!

Infantis - Jovens Panterinhas derrotadas em casa pelo Leixões SC

Boavista FC 0 - 3 Leixões SC

As nossas Panterinhas do escalão de infantis foram hoje de manhã derrotadas pela equipa do Leixões SC no pavilhão Pêro Vaz de Caminha por 0-3. O jogo contou para o Torneio do 71º Aniversário da Associação de Voleibol do Porto.

Jogo que já se antevia de grande dificuldade para as nossas jovens Axadrezadas, e onde a equipa matosinhense mostrou qualidade e confirmou as suas credenciais, mesmo tendo em conta o grande empenho das Panterinhas em contrariar o favoritismo das leixonenses. As visitantes acabariam mesmo por vencer pela margem máxima de 0-3.

Na próxima jornada, a realizar no feriado de 1 de Maio, as jovens Boavisteiras recebem a equipa do VC Viana e vão em busca da vitória! FORÇA PANTERINHAS!!

sábado, 27 de abril de 2013

Fase Final 12/13 - Boavista derrotado na 2ª jornada pelo AVC

Atlético VC 3 - 2 Boavista FC
20-25 / 25-12 / 25-22 / 13-25 / 15-9

E ao segundo jogo da Fase Final 2012/2013 as Axadrezadas sentiram o sabor da derrota frente à formação do Atlético VC. Jogo que apenas se decidiu no 5º set e que deixou ambos os clube com quatro pontos na tabela classificativa.

Frente ao conjunto famalicense o treinador Boavisteiro apresentou a seguinte equipa: 1- Sofia Azinheira, 2- Ana Fernandes, 4- Sofia Lima, 6- Sofia Pimentel, 7- Amanda Rocha, 9- Rita Matos, 10- Mariana Teixeira (Cap.), 12- Catarina Martins, 14- Joana Fernandes, 15- Sofia Gomes, 16- Mafalda Sousa e 18- Catarina Liz.

Como se esperava, o 1º set iniciou-se de forma equilibrada, mas com a nossa equipa sempre na frente do marcador por um ou dois pontos, situação que teve o seu fim quando o AVC empatou a 10-10 e posteriormente passou para a frente por 14-12. As Panteras sentiram o perigo e uniram-se ainda mais e voltaram ao comando do jogo no 17-19, com dois pontos de vantagem e com o apoio frenético das bancadas, o Boavista tornou-se magistral e só iria parar quando já não era possível prolongar o set, pois a vitória por 20-25 já estava garantida.

Com vantagem no marcador as Axadrezadas entraram bem no 2º set, mantendo sempre o jogo controlado, com vários empates até ao 7-7, mas a partir daqui o que parecia ser um jogo controlado, mudou completamente de figurino. A meninas do Bessa deixaram de conseguir mostrar o seu voleibol, e o AVC aproveitou para ganhar grande vantagem no marcador. Parciais de 17-10 e 19-11 mostravam isso mesmo, com as famalicenses com o seu habitual jogo a levarem o barco a bom porto. Até ao fim do set a nossa equipa só voltaria a pontuar por uma só vez, num pesado resultado de 25-12.

No 3º set a equipa Boavisteira entrou forte, desde logo com vantagem no marcador, primeiro de 4-7 e depois de 7-11 e posteriormente de 11-16, a importância desta vantagem era bastante grande, no entanto a formação do AVC conseguiu responder e empatou a 17-17 e o jogo equilibrou, com as equipas a dividirem os pontos entre si. Após o empate a 21-21 a equipa da casa logrou obter três pontos consecutivos sem resposta Axadrezada, deixando o marcador em 24-21. A tão esperada resposta do Boavista não apareceu e o conjunto de Vila Nova de Famalicão venceu por 25-22.

A desvantagem por 2-1 precisava duma resposta de Garra de Pantera, era o momento das Boavisteiras se mostrarem em todo o seu esplendor. E o 4º set foi mesmo o grito de revolta, a jogar sempre em alta rotação e unidas, as meninas do Bessa mostraram-se imbativeis, com vantagens de 3-8 e 8-14. Mesmo em vantagem a nossa equipa nunca baixou o ritmo e continuou a massacrar o campo famalicense. O marcador não enganava, quando mostrava 12-23 já poucas dúvidas haviam acerca do vencedor final do set. E foi com grande gáudio nas bancadas Axadrezadas que vencemos por 13-25. Era a necessidade de se recorrer ao 5º set para encontrar o vencedor.

A negra mostrou-se bastante equilibrada, sem que nenhuma das equipas conseguisse uma vantagem digna de registo. A troca de campo no meio tempo técnico deu-se com o parcial de 8-7 favorável ao AVC. Após o recomeço a equipa da casa conseguiu uma vantagem de 10-7, o que a moralizou bastante, o suficiente para conseguirem evitar qualquer resposta Boavisteira, e foi assim que venceram por 15-9.

Jogo muito equilibrado entre duas boas equipas, a formação do AVC acabou por ter a felicidade de vencer por 3-2, igualando o Boavista no topo da tabela com 4 pontos. A nossa equipa teve bons momentos no jogo, mas acabaram por ceder em alguns momentos fulcrais do jogo.

As contas para o título ficaram agora um pouco mais dificeis e para o ceptro vir para o Bessa o Boavista terá que garantir os três pontos no jogo de amanhã, e ficar à espera que o AVC não vença por mais de 3-2. A esperança, essa, é a última a morrer, portanto há que apoiar a nossa equipa até ao fim! FORÇA PANTERAS!! 

Iniciadas - Axadrezadas perdem em Amarante

AD Amarante 3 - 0 Boavista FC
25-15 / 25-19 / 25-17

À margem da Fase Final do escalão de seniores, a nossa formação não parou e a nossa equipa de Iniciadas deslcou-se à cidade de Amarante para mais uma jornada do Torneio do 71º Aniversário da Associação de Voleibol do Porto. As Panteras foram derrotadas por 3-0.

Num jogo onde a formação de Amarante mostrou ser mais experiente que as Axadrezadas, estas nunca desistiram de forma alguma. No 1º set a equipa da casa conseguiu superiorizar-se com alguma naturalidade, vencendo por 25-15. O 2º set trouxe uma equipa do Boavista mais concentrada no jogo, evitando alguns erros, e fruto disso foi o maior número de pontos conseguido no set, que ainda assim não evitou a derrota por 25-19. O jogo não se alterou no 3º set, com a equipa da AD Amarante a conseguir superiorizar-se, mas sempre com um grande esforço por parte das meninas do Bessa.

Derrota sem margem para contestação por parte das nossas jovens Panteras. Apesar de todo o esforço e empenho colocados em campo, a maior experiência da formação de Amarante acabou por ditar uma derrota. Nada de alarmes, há que continuar a trabalhar e a jogar.

No próximo feriado de 1 de Maio as nossas Iniciadas recebem no Pêro Vaz de Caminha a equipa do Colégio dos Carvalhos, um jogo onde as Panteras irão tentar repetir a vitória do jogo da primeira volta. FORÇA PANTERAS!!  

Juniores - Panteras vencem UD Vilar Paraíso pela margem máxima

UD V. Paraíso 0 - 3 Boavista FC
13-25 / 14-25 / 12-25

A nossa equipa de juniores voltou a vencer a formação da UD Vilar Paríso por 0-3 naquele que foi o segundo jogo em três dias entre ambas as formações. Desta vez o jogo realizou-se em Vila Nova de Gaia.

As Axadrezadas entraram bem logo no 1º set, mostrando novamente que possuem uma equipa bastante competitiva, a formação da casa tentou sempre contrariar as portuenses mas não evitaram a derrota por 13-25. No 2º set a nossa equipa não mudou de atitude e continuou a jogar no seu melhor, e o resultado disso foi uma vitória por 14-25. A toada do jogo também não se alterou no 3º set, com a equipa Boavisteira a confirmar o seu favoritismo com uma vitória por 12-25.

Depois da vitória no feriado de 24 de Abril, a vitória de hoje garante mais três importantes pontos para as nossas juniores na luta para marcar presença nos jogos decisivos da atribuição deste troféu regional.

Na próxima jornada as Axadrezadas deslocam-se ao recinto do Esmoriz GC, num jogo bastante importante para os nossos objectivos. FORÇA PANTERAS!!

Vídeo de apoio à equipa Sénior produzido pelas Minis

Depois da vitória de ontem na jornada inaugural da Fase Final, nada melhor que reforçar o apoio à equipa sénior com mais um vídeo, desta vez produzido pelas Panterinhas mais novas do Departamento, o escalão de Minis.

Parabéns pelo trabalho Panterinhas!!

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Fase Final 12/13 - Panteras entram com o pé direito na Fase Final

 CV Lisboa 1 - 3 Boavista FC
27-29 / 14-25 / 27-25 / 22-25

E já se iniciou o momento mais esperado da época, a Fase Final, e da melhor maneira possível, a vencer. O jogo de estreia foi ao fim da tarde de hoje frente à equipa do CV Lisboa, terceiro classificado da Série dos Primeiros, e as Axadrezadas venceram por 1-3, garantindo os três primeiros pontos da competição.

Para o primeiro jogo da Fase Final o técnico Paulo Pardalejo apresentou a seguinte equipa: 1- Sofia Azinheira, 3- Rita Santos, 4- Sofia Lima, 6- Sofia Pimentel, 7- Amanda Rocha, 9- Rita Matos, 10- Mariana Teixeira (Cap.), 12- Catarina Martins, 14- Joana Fernandes, 15- Sofia Gomes, 16- Mafalda Sousa e 18- Catarina Liz.

A prova que nesta competição todas as equipas jogam para vencer o título ficou demonstrada neste 1º set do jogo. O equilíbrio foi nota dominante desde os primeiros parciais do set, empates desde o 3-3, passando pelo 9-9. As lisboetas tinham a lição bem estudada e mostravam grande capacidade na recepção e defesa, o que manietava o ataque das portuenses. Após vários empates o CV Lisboa conseguiu uma importante vantagem de 18-23, deixando todo o público afecto ao Boavista bastante receoso. Só havia uma coisa a fazer, recuperar e rapidamente, e foi exactamente isso que aconteceu, um bom parcial de 0-5 colocava o marcador em 23-23. Não surpreendeu ninguém a necessidade de se recorrer às vantagens para se encontrar o vencedor do set, e foi num ambiente muito emocionante e com muitos nervos à mistura que as Panteras venceram por 27-29. Ponto negativo neste set, a lesão de Catarina Liz, que a impediu de continuar no restante jogo, uma baixa de peso.

O 2º set voltou a iniciar-se com algum equilíbrio entre as formações, no entanto essa situação esfumou-se completamente quando as Axadrezadas forçaram o seu jogo e o CV Lisboa baixou o seu rendimento. A vantagem começou a ser ampliada aos poucos, os parciais 7-13, 8-15 e 9-17 são disso exemplo. As meninas do Bessa  jogavam tranquilamente e aproveitavam bem os erros da equipa da capital, e foi num clima bastante tranquilo que se chegou ao 11-20 e 13-24, exactamente antes do ponto Boavisteiro que viria a fechar o set por 14-25.

Para não fugir à regra, o 3º set iniciou-se com ambas as equipas a dividirem os pontos entre si nos parciais, no entanto após o 8-8 as portuenses conseguiram uma vantagem de 8-10, ao que as lisboetas contra-responderam com um 15-13 e depois 19-16. Os três pontos de desvantagem foram recuperados no parcial de 19-19, e partir daqui os empates viriam a suceder-se com o passar do tempo. Houve a necessidade de se recorrer às vantagens para se encontrar um vencedor, e foi nesse momento que o CV Lisboa teve arte e engenho para obter os tão preciosos dois pontos, no 27-25. Era o primeiro set ganho pelo CV Lisboa na competição, e em sentido inverso era o primeiro set perdido nesta Fase Final para as comandadas por Paulo Pardalejo.

As Panteras estavam cientes que não poderiam perder novamente, sob o risco de terem de jogar a negra. E o 4º set voltou a ser interessante de seguir, com bastante equilíbrio em campo, situação que se manteve do inicial 3-3, passando por 10-10 e 15-15. O parcial de 20-20 chegou e neste momento tudo era possível, e foi aqui que a nossa equipa respondeu bem, conseguindo pontuar sem que as adversárias o conseguissem, e foi assim que obtiveram o 22-25 final, para o autêntico rubro dos muitos adeptos do Boavista que coloriam as bancadas do pavilhão.

Missão 1/3 cumprida com êxito absoluto, uma vitória. Um triunfo bastante suado frente a uma equipa que voltou a mostrar credenciais para fazer boa figura nesta Fase Final. A equipa do CV Lisboa mostrou que se preparou muito bem para este jogo especificamente, e estão de parabéns por isso... há que contar com esta equipa para as contas finais. As Axadrezadas mesmo não fazendo um jogo brilhante, cumpriram com o que lhes foi pedido, a vitória e os três pontos, e estão também de parabéns pelo objectivo atingido. Vitória muito importante que garante desde já o primeiro lugar da tabela classificativa, depois da vitória do Atlético VC sobre o Clube K por 3-2. Missão cumprida, amanhã há nova batalha a travar pelas 16h00 no mesmo local.

Palavra para os muitos adeptos Boavisteiros que se deslocaram a VN Famalicão para apoiarem as Panteras. Momentos houve em que o Boavista estava a jogar em casa... um ambiente simplesmente extraordinário digno de ser visto e revisto.

Para amanhã, pelas 16h00, o Boavista FC joga contra a equipa do Atlético VC, um jogo onde a vitória é primordial. Portanto não há que enganar, todos a Famalicão! FORÇA PANTERAS!!

E chegou a Leonor! Parabéns Raquel Palmeira!


E a notícia do dia chegou ao inicio da tarde de hoje, a nossa ex-capitã da equipa sénior e actual treinadora da equipa de Minis A, Raquel Palmeira, foi mãe da pequena Leonor. Significa isto que a nossa Directora Graziela Palmeira é a partir de hoje avó!

Independentemente dos resultados desportivos que se venham a verificar nesta Fase Final, este já é, sem dúvida, um fim de semana muito especial para o nosso Departamento. Parabéns às nossas três meninas e as maiores felicidades, são os votos do Departamento de Voleibol do Boavista FC e do Blogue BoavistaVolei.

Antevisão do técnico Paulo Pardalejo à Fase Final que hoje se inicia


"Esta semana começamos a Fase Final - disputa do título de Campeão Nacional da II Divisão e subida à I divisão. Vai ser uma Fase Final dura e equilibrada, todas as equipas são fortes e estão motivadas para vencer, é certo que fomos lideres durante toda a época, mas nesta altura pouco importa, pois é Campeão quem vencer «este torneio de 3 jogos». A equipa preparou-se bem e está confiante e ansiosa por começar. Uma certeza tenho, é que vão deixar tudo o que têm em campo. Todo o apoio é pouco e NÓS SOMOS BOAVISTA E ESTAMOS HABITUADOS A MUITO APOIO! Sexta às 19.30 contra o CV Lisboa, Sábado às 16h00 contra o Atlético VC e Domingo às 15h00 contra o Clube K, temos camioneta a sair do Bessa para todos os jogos. Por isso não há desculpas. TODOS SOMOS POUCOS!!

VAMOS NA RAÇA
VAMOS À CONQUISTA
SOMOS BOAVISTA"

Paulo Pardalejo, treinador sénior

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Vídeo "Seniores BFC" produzido pela equipa de Infantis

Hoje o Blogue BoavistaVolei apresenta o vídeo "Seniores BFC" produzido pelas nossas Panterinhas do escalão de Infantis com vista ao apoio à Fase Final que começa já amanhã.


Juniores - Axadrezadas vitoriosas frente à UD Vilar Paraíso

Boavista FC 3 - 0 UD V. Paraíso
25-13 / 25-12 / 25-16

O nosso escalão de Juniores jogou esta tarde no pavilhão Pêro Vaz de Caminha contra a UD Vilar Paraíso para acertar calendário, uma vez que o jogo era relativo à 3ª jornada do Torneio do 71º Aniversário da AVP. As Axadrezadas venceram por 3-0.

O 1º set teve um início bastante interessante, com a equipa de Vilar Paraíso a mostrar-se bastante competente em campo e a criar dificuldades às Boavisteiras. No entanto com o passar do tempo, a mais valia individual e colectiva do Boavista começou a ditar leis e a diferença pontual começou a dilatar-se. A vitória por 25-13 acaba por ser justa, mas esconde algumas dificuldades iniciais.

No 2º set o jogo manteve a sua toada, com as meninas do Bessa a conseguirem controlar o jogo, mas sempre com a equipa visitante a lutar com as suas armas para dificultar a tarefa ao Boavista. A vitória das Panteras foi por 25-12.

Por fim, no 3º set, o jogo teve momentos de algum equilíbrio, com a formação de VN Gaia a conseguir pontuar mais e a conseguir oferecer resistência às comandadas por Catarina Martins. No entanto a nossa equipa estava focalizada na vitória de modo a somar mais três importantes pontos, e acabariam por consegui-lo com a vitória por 25-16.

Vitória justa para a nossa equipa, a sua experiência e qualidade acabaram por quebrar a resistência da formação da UD Vilar Paraíso, equipa que se mostrou bastante esforçada e empenhada em campo. Para o próximo sábado fica marcado novo encontro entre os dois emblemas, desta vez em casa da UD Vilar Paraíso. FORÇA PANTERAS!!