quarta-feira, 24 de abril de 2013

Fase Final 2012/2013 - Análise de equipas


O Atlético Voleibol Clube volta a marcar presença pelo segundo ano consecutivo na Fase Final. Depois do quarto lugar da época passada, as famalicenses vão entrar em campo com o objectivo claro de serem campeãs nacionais da II divisão. Depois de terem vencido a sua série na primeira fase do campeonato, voltaram a ter uma excelente prestação na Série dos Primeiros onde obtiveram o segundo lugar da tabela com apenas uma derrota, no Pêro Vaz de Caminha. A equipa de famalicão tem potencial mais do que suficiente para vencer o título, sobretudo jogando no seu recinto, onde ninguém ousou vencer para o campeonato. No entanto o facto da competição se realizar em sua casa, pode criar uma pressão suplementar à equipa, ainda assim estamos, de facto, perante um dos mais sérios candidatos à vitória final.

A equipa do Centro de Voleibol de Lisboa tem tido uma notável evolução ao longo das épocas que milita na II divisão, depois de na época passada ter competido na Série dos Primeiros, eis que este ano conseguiu mesmo a qualificação para a Fase Final. Esta estreia na Fase Final pode ser considerada uma surpresa? A resposta é não, a formação da capital mostrou argumentos muito fortes na Série dos Primeiros e está em Famalicão com todo o mérito e justiça, deixando para trás equipas também elas com aspirações válidas. Cinco vitórias e cinco derrotas, foi este o pecúlio que garantiu a presença das lisboetas na Fase Final, a quatro pontos do quarto classificado. O CV Lisboa estará no norte com legítimas aspirações a levar o troféu para a capital, a equipa tem qualidade, muito rotinada e motivada para lutar até ao último ponto. Nesta Fase Final todas as equipas vão lutar para o título e o CV Lisboa vai estar na luta de igual para igual com todos os adversários.


As açorianas marcam presença na Fase Final pelo segundo ano consecutivo após o terceiro lugar conquistado no Porto na época passada. O Clube Kairós tem um objectivo claro, regressar à elite do voleibol feminino nacional, é um clube que há duas épocas atrás chegou mesmo a respresentar Portugal nas competições europeias de clubes. A equipa dos Açores é sempre uma incógnita nesta Fase Final, mas os números falam por si, em vinte jogos na Série Açores, dezanove vitórias e apenas uma derrota, à 13ª jornada na Praia da Vitória contra o Praiense. É uma equipa que vem com rotina de vitória e com a moral em alta, o que a coloca entre os candidatos para erguer a taça de campeão. No entanto será nesta Fase Final que o Clube K será realmente posto à prova, e aí as açorianas vão ter que estar ao seu melhor nível se quiserem levar o título para o belo arquipélago dos Açores.

0 comentários: