domingo, 2 de dezembro de 2012

Seniores - Sétima jornada e sétima vitória para as Panteras

Boavista FC 3 - 1 AAS Mamede
20-25 / 25-21 / 25-14 / 25-21

As nossas seniores mantiveram hoje à tarde no pavilhão Pêro Vaz de Caminha o bom hábito da época 2012/2013, vencer. Perante uma bancada completamente lotada num apoio frenético às cores Boavisteiras, a nossa equipa venceu a formação da Académica de São Mamede, segundo classificado na tabela, por 3-1, obtendo a sétima vitória consecutiva em sete jogos.

O treinador sénior Paulo Pardalejo apresentou a seguinte equipa: 1- Sofia Azinheira, 2- Ana Fernandes, 3- Rita Santos, 4- Sofia Lima, 6- Sofia Pimental, 7- Amanda Rocha, 8- Joana Ferraz, 9- Rita Matos, 12- Catarina Martins, 14- Joana Fernandes, 15- Sofia Gomes e 18- Catarina Liz.

O jogo começou de forma bastante equilibrada no 1º set, com as equipas a equivalerem-se no campo e a dividirem os pontos entre si. Quando as Panteras venciam por 10-9, as mamedenses conseguiram uma boa série de pontos consecutivos, que as levou à primeira vantagem no marcador digna de registo, 12-15, algo a que as Axadrezadas tiveram bastantes dificuldades em reagir. A formação de Matosinhos que entrou em campo com a lição bem estudada, ia aproveitando de maneira sábia o desnorte momentâneo das Boavisteiras para reforçar a vantagem para seis pontos, 15-21. Sabendo que as adversárias caminhavam em bom ritmo para a vitória, o treinador Boavisteiro ajustou a equipa e os resultados foram positivos com a recuperação de três pontos na desvantagem para 19-21, entrando novamente na luta pela vitória no set. A formação academista sabia o que tinha que fazer, anular a recuperação e não deixar que o Boavista crescesse, de modo a evitar os massacres já sofridos nos jogos anteriores, e conseguiram-no com bastante empenho e trabalho. A vitória da Académica por 20-25 ditava o segundo set perdido em sete jogos para a nossa equipa, mas nada que tirasse o entusiasmo ao numeroso público presente nas bancadas.

Pela primeira vez na época as Panteras estavam em desvantagem no marcador, era hora de responder à equipa de São Mamede Infesta. E jogando muito bem desde o início do 2º set, as Panteras garantiram uma boa vantagem de 8-3, cinco pontos de vantagem que poderiam começar a dar margem de manobra às meninas do Bessa. Mas as visitantes não estavam dispostas em facilitar em nada a tarefa à nossa equipa, e foram anulando a desvantagem para 13-10, mas sem nunca conseguirem passar dessa fasquia. O Boavista controlava bem o jogo e aproveitava para empolgar o público com bonitas jogadas, o que desmoralizou as adversárias e as afundou numa desvantagem de sete pontos no 24-17, apenas um ponto separava as portuenses da vitória. Um fulgor final da Académica ainda as levou a um parcial de 0-4, para 24-21, no entanto tudo terminou com o 25º ponto da equipa da casa. Estava o jogo empatado.

O 3º set foi completamente diferente do que se havia visto nos dois anteriores, voltando a recuperar o que aconteceu nos jogos anteriores entre os dois emblemas. Parciais equilibrados aconteceram somente até ao 2-2, daqui para a frente o Boavista pegou no jogo de uma forma muito forte, com um voleibol ao nível desta nossa equipa, muito elevado. As boas jogadas, os ataques violentos e os serviços precisos iam dando ao marcador um desnível bastante considerável, do 12-4, passando pelo 15-8 até ao impensável 23-9. Um autêntico atropelo das Panteras ao objectivo traçado pelas mamedenses, que apenas deram um ar da sua graça na recta final do set com um parcial de 0-5 que de certa forma amenizou a derrota para 25-14.

Ainda moralizadas pelo resultado obtido no set anterior, as Axadrezadas voltaram a entrar com todo o gás no 4º set, de forma a evitar a perda de pontos pela primeira vez na época. A exibição segura das meninas Bessa levou-as a uma vantagem de 12-5 e posteriormente para 17-9, uma vantagem considerável à entrada da recta final do set, tudo parecia correr bem para a nossa equipa. No entanto a equipa de São Mamede não desistiu e foi à luta pelo resultado, e um bom parcial de 3-9 colocou-as novamente na discussão pelo set. Com vantagem de apenas dois pontos, 20-18, após uma boa recuperação adversária, as Panteras mantiveram o sangue frio e souberam gerir com calculismo o set até ao final onde venceram por 25-21. Era a sétima vitória consecutiva!

A vitória de hoje foi justa e foi um bom teste à capacidade da nossa equipa. A formação de São Mamede esteve muito bem, denotando grande evolução em relação aos dois confrontos anteriores e mostrando que preparou bem o jogo de hoje durante a semana de treinos, tentando anular o jogo das Boavisteiras, conseguiu-o no 1º set e a espaços nos sets seguintes. O jogo não foi nada fácil e com muito esforço e empenho as Axadrezadas souberam dar a volta ao resultado e souberam colmatar a ausência de peças importantes na equipa. O campeonato nacional é mesmo assim, uma prova de regularidade onde cada jogo é um jogo e há sempre novos desafios a superar, o de hoje foi superado e por isso estão de parabéns as Panteras. Palavra de mérito à Académica de São Mamede que mostrou o porquê de estar em 2º lugar e que em muito dificultou a vitória da nossa equipa.

Próxima etapa, novo jogo em Espinho frente ao Sporting Clube de Espinho, um jogo de grande dificuldade contra uma equipa que mantém a chama da qualificação bem acesa depois da vitória de hoje em Coimbra. Às Boavisteiras cabe-lhes lutarem pela 8ª vitória. FORÇA PANTERAS!!

A finalizar, mais um agradecimento ao público Boavisteiro, simpatizantes, adeptos e claque, que mais uma vez encheram o Pêro Vaz de Caminha. Assim vale a pena vir ao voleibol, a festa e a onda de apoio durante os jogos são um espectáculo  dentro do espectáculo. A todos o nosso obrigado, assim somos ainda mais fortes!

0 comentários: