Boavista FC - Temos Tradição no Voleibol Português.

34 Anos a formar atletas sob o lema "Aprender, Praticar e Vencer.

Boavista FC tem novos equipamentos para Época 2016-2017

Todo o voleibol axadrezado será equipado pela conceituada marca Cofides (POR).

Prof. José Machado assume novo desafio

Prestigiado técnico português é o novo coordenador técnico do voleibol axadrezado

Panteras têm novo treinador principal

Prof. Carlos Simão é o novo "timoneiro" das seniores axadrezadas

Destaque semanal

Iniciadas vencem primeiro jogo oficial da época 2016-2017

sábado, 30 de abril de 2011

Fase Final 2º Dia - Boavista derrotado pela Lusófona

Lusófona VC 3 - 1 Boavista FC
23-25/25-23/25-14/25-22

No segundo dia de competição na Fase Final do Campeonato Nacional A2 as nossas guerreiras Panteras defrontaram a sempre complicada equipa da Lusófona VC que jogou na sua própria casa. Num jogo bem disputado por duas boas equipas, a formação lisboeta acabou por vencer por 3-1. O pavilhão foi muito, demasiado, pequeno para a importância do jogo e para a qualidade do muito público presente. O Boavista mesmo estando a jogar a 300 kms da cidade do Porto, e na casa do adversário, foi a equipa mais apoiada no pavilhão, um espetáculo dentro do espetáculo.

Logo no 1º set o jogo começou bem de parte a parte, a formação da casa ia conseguindo pequenas vantagens que eram prontamente anuladas pelas nossas Panteras. A vantagem da Lusófona por 11-9 foi transformada num 11-12, pela primeira vez o Boavista estava na liderança do marcador, depois seguiram-se empates consecutivos que se prolongaram até à recta final do set. Na fase do "mata mata" a alma da nossa equipa foi grande, enorme, e conseguiu a vitória por 23-25. Grande festa no público Boavisteiro e muita apreensão nas hostes da Lusófona.

No 2º set a formação de Lisboa entrou melhor, a vantagem adquirida inicialmente ia-se mantendo por vários parciais (4-1 e 8-4) e atingiu um preocupante 11-5, mas nada que a nossa equipa não fosse capaz de resolver, a recuperação foi começada de uma forma bastante serena e quando o "score" estava em 17-13 dispararam no resultado para 17-17. As Panteras estavam bem embaladas, mas um erro de avaliação de arbitragem deitou tudo a perder, uma bola claramente dentro foi transformada em ponto para a Lusófona, as lisboetas que não estavam a conseguir suster o ímpeto Axadrezado, ganharam novo fôlego e voltaram para a dianteira do resultado. O público estava incrédulo mas continuava o apoio, as Panteras continuaram com grande raça e ainda fizeram o 23-23, mas desta vez a vitória acabou por cair para a equipa da casa por 25-23.

O 3º set deixa muito pouco para contar, a equipa da Lusófona puxou de todos os seus galões de excelente equipa e dominou por completo o set. Desde cedo se antevia uma vitória para a equipa da casa, parciais de 11-3 e 13-6 mostravam a força com que as lisboetas entraram em campo. O melhor que Boavisteiras conseguiram foi reduzir a desvantagem para 15-10, mas o bom jogo das nossas adversárias continuava e os pontos iam-se sucedendo, os parciais 19-11 e o 22-12 já não davam margem de manobra às nossas guerreiras, o 25-14 foi o resultado final. As Panteras nunca baixaram os braços, lutaram, mas a qualidade das lisboetas veio ao de cima, e quando assim é, nada a dizer.

O 4º set foi bastante equilibrado, a maior vantagem que uma equipa conseguiu sobre a outra foi quando as lisboetas venciam por 10-6, foram 4 pontos que as Axadrezadas recuperaram de súbito para 10-10. Daí para a frente foi ponto cá ponto lá, numa toada sempre de equilíbrio, no campo não se vislumbravam quaisquer diferenças entre as duas formações. Chegou-se ao 20-20 e tudo era possível, mas foi neste exacto momento que os 3 pontos consecutivos para a Lusófona deitaram quase por terra as aspirações Boavisteiras, o 23-20 não era impossível de recuperar, mas era bastante difícil, e acabou mesmo por ditar a vitória no set para as atletas da casa por 25-22.

Foi uma derrota perante uma excelente equipa, mas se a onda avassaladora das Panteras no 2º set não tivesse sido abruptamente travada por alguns lapsos de arbitragem, talvez a história do jogo tivesse sido bem diferente. Mas os "ses" ainda não jogam voleibol e portanto há que dar mérito à Lusófona pela vitória obtida. Não saíram de cabeça baixa as Panteras, antes pelo contrário... saíram muito ovacionadas pelos indefectíveis Boavisteiros que acompanharam o jogo, sempre com muita alegria. Esta derrota termina com o sonho das Panteras? NÃO!!! Sonho era estar aqui a competir entre as melhores equipas de Portugal da A2... e isso tornou-se realidade. Sonho era ter uma equipa ENORME cheia de raça, de humildade... uma equipa de verdadeiras Panteras guerreiras, e esse sonho é a REALIDADE. Portanto, não é uma simples derrota que nos vai acordar deste sonho que é tão real. Amanhã voltamos a ter outro dia... voltamos a ter outro jogo... vamos lutar pela honra da camisola que envergamos como em todos os jogos... amanhã vamos voltar a ver uma equipa de sonho numa competição de sonho. FORÇA PANTERAS!!

Uma palavra final de apreço à equipa da Lusófona VC, mais uma vez demonstraram que nem precisavam da excelente equipa que possuem para serem um exemplo de clube, a forma pronta como a sua equipa médica entrou em campo para assistir a nossa atleta Filipa Teixeira que se havia lesionado é digna de realce. Obrigado pelo gesto nobre. Em pequenos pormenores como este se consegue ver onde está a grandiosidade de um clube.



No outro jogo desta 2ª jornada, a equipa do Castêlo da Maia GC bateu as açorianas do Santa Cruz SC por 3-0. Para amanhã fica o jogo decisivo para a atribuição do título de campeão nacional da A2 e respectiva subida à A1.

Juvenis 2º Ano - Boavisteiras ganham ao Colégio Rosário na negra

Col. Rosário 2 - 3 Boavista FC

A nossa equipa de Juvenis de 2º Ano deslocou-se ao pavilhão do Colégio do Rosário para mais um jogo a contar para o Torneio do 69º Aniversário da Associação de Voleibol do Porto. As Axadrezadas venceram o encontro apenas na "negra".

Este jogo foi orientado pela treinadora Ana Cunha, da equipa de Juvenis de 1º Ano, em virtude da treinadora principal da nossa equipa se encontrar em Lisboa com a equipa sénior a disputar a fase final do campeonato nacional da A2. No entanto as Axadrezadas não acusaram a ausência da sua treinadora principal e venceram as adversárias de hoje por 2-3.

Uma vitória fora de portas é sempre um bom resultado, e assim sendo o resultado de hoje é moralizador para a nossa equipa. FORÇA PANTERAS!!
 

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Seniores - Panteras derrotadas na 1ª jornada da Fase Final

Boavista FC 0 - 3 Castêlo da Maia
18-25/14-25/20-25


A nossa equipa sénior iniciou hoje a sua participação na Fase Final do Campeonato Nacional A2, que se realiza no pavilhão da Universidade Lusófona em Lisboa. No primeiro jogo as Axadrezadas foram batidas pela equipa do Castêlo da Maia Ginásio Clube pela margem máxima de 0-3.

Iniciou-se o 1º set com 3 pontos consecutivos para a equipa do Castêlo da Maia, algo que não abalou as Boavisteiras que rapidamente chegaram ao empate a 4-4,o jogo entre as duas representantes do norte do país prometia emoção. No entanto após o empate a 4 pontos a equipa maiata pegou no jogo e na dianteira do marcador com as Panteras a correrem sempre atrás do resultado. Quando o "score" marcava 5-10 e posteriormente 8-14, o set ficava bastante difícil para a nossa equipa, que no entanto ainda teve forças para voltar ao jogo, a recuperação colocou o Boavista apenas a 1 ponto de distância da equipa da Maia (16-17), mas no momento de conseguir a remontada total havia sempre algo que falhava, e assim a recuperação nunca chegou a ser total. Esta situação como que desmotivou um pouco a nossa equipa e disso se aproveitou a equipa do Castêlo que venceu por 18-25.

No 2º set a equipa contrária entrou bastante forte no set, e perante alguma falta de resposta Boavisteira, o resultado foi-se dilatando desde muito cedo, os parciais de 3-7 e 5-11 são disso exemplo. Esperava-se uma rápida recuperação por parte da nossa equipa, mas isso nunca chegou a acontecer, e quando já distavam 10 (8-18) pontos das maiatas, o set parecia irremediavelmente perdido, era uma questão de tempo. O treinador Paulo Pardalejo optou então por fazer entrar algumas atletas que estavam no banco, e estas responderam da melhor maneira, mostrando que são opções válidas a qualquer momento do jogo. No entanto o set acabou mesmo por cair para o Castêlo por 14-25.

O 3º set foi o mais agradável de seguir, entraram bem as Axadrezadas, determinadas em ganhar este set e obrigar o jogo a "horas extras". No entanto a melhor entrada Boavisteira foi sendo recuperada pela formação do Castêlo que voltaria a entrar no jogo. Seguiram-se alguns empates nos parciais seguintes (8-8 e 16-16) e o jogo mantinha-se equilibrado de parte a parte. Mas no momento certo, no momento crucial do set, a equipa da Maia conseguiu uma importante vantagem no marcador, 18-20 e depois 20-24, que seria decisiva para o desfecho do set. Faltava 1 ponto, e esse veio mesmo para equipa do Castêlo que venceu por 20-25. Era a vitória do Castêlo num set onde aqui e ali a nossa equipa foi prejudicada por alguns erros de arbitragem, no entanto há que admitir que esses mesmos erros, apesar de cirúrgicos, não foram a grande razão da nossa derrota.

Os números da derrota, quer no resultado final quer nos sets, não deixam outra análise possível, foi uma vitória justa para o Castêlo da Maia. A nossa equipa pode ter acusado algum nervosismo neste jogo, algo completamente compreensível tendo em conta que se trata de uma Fase Final de um campeonato Nacional. Mas mesmo com a derrota e com o nervoso miudinho, a nossa equipa foi guerreira em campo, sempre esforçada e com raça. Não deu para evitar a derrota. E daí? Acabou o mundo? De forma alguma, foi apenas uma derrota e já é passado, nada está perdido. Hoje há mais um jogo para vencer frente à Lusófona VC e nós acreditamos nas nossas Panteras!!

Palavra para o público Boavisteiro presente no pavilhão, uma vez que neste caso não se pode falar em bancadas, sempre com muita alegria e muito barulho no apoio às Boavisteiras durante todo o jogo. Bem bonita a festa... a alegria Boavisteira era tanta que contagiou os próprios adeptos da Lusófona que se encontravam a ver o jogo que rapidamente entraram no ritmo dos cânticos de apoio ao Boavista! Podemos ter perdido dentro do campo, mas fora dele vencemos por muitos! Hoje há mais! FORÇA PANTERAS!!

Fase FInal A2

Já é conhecido o primeiro resultado desta Fase Final da A2 que se disputa em Lisboa. A equipa da casa, Lusófona VC venceu a formação açoriana do Santa Cruz SC por 3-0 e amealhou os primeiros três pontos da classificação.

Daqui a pouco a nossa equipa entra em campo para defrontar o Castêlo da Maia.

Acompanhe toda a Fase Final no Blogue BoavistaVolei e via Facebook


Para todos os adeptos Boavisteiros que não se podem deslocar a Lisboa para acompanhar a nossa equipa e que queiram saber como irá correr a competição, o Blogue BoavistaVolei irá fazer uma grande cobertura desta Fase Final através da página oficial do Departamento de Voleibol do Boavista FC no Facebook e através do próprio Blogue.

Os resultados na hora e crónicas serão disponibilizadas aqui no Blogue.

Diário de bordo, curiosidades, andamento dos resultados set a set serão disponibilizados na página oficial do Departamento no Facebook.

Se não pode ir a Lisboa... fique mesmo por aqui a saber de tudo!!!

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Minis A - Panterinhas enviam mensagens de apoio à equipa sénior para a Fase Final

As manas Mariana (esquerda) e Susana (direita) também deixaram uma mensagem às seniores


O vídeo da Ana Sofia



O vídeo da Beatriz



O vídeo da Ritinha




Obrigado pelas mensagens de apoio Panterinhas! Com um apoio destes a equipa sénior só pode ganhar!!

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Seniores - Antevisão à Fase Final do treinador Paulo Pardalejo

"Aí está ela, A GUERRA! Como todos sabemos objectivo desta época está cumprido, no entanto as nossas guerreiras têm mais uma missão, que passa por defender, dignificar e lutar pela pesada camisola que vestimos. Vamos na Raça...VAMOS À GUERRA!"

Paulo Pardelejo, treinador sénior

terça-feira, 26 de abril de 2011

Fase Final - Análise de equipas

A equipa do Castêlo da Maia apresenta-se em Lisboa bastante motivada pelo facto de se ter qualificado para esta Fase Final em 1º lugar da Série dos Primeiros, superando a equipa da Lusófona VC que era a favorita. Depois de na primeira fase ter conseguido a 2ª posição com apenas duas derrotas (ambas em casa frente a SC Espinho e Lusófona VC) e apenas um ponto atrás da equipa da Lusófona VC, a formação maiata entrou na Série dos Primeiros com toda a força consentindo novamente duas derrotas (em Paços de Ferreira e em Lisboa), vencendo todos os jogos em casa e o jogo realizado no Pêro Vaz de Caminha, o que lhe valeu o 1º lugar com dois pontos de avanço sobre a equipa da capital. 
A qualidade da formação da Maia é inegável e é um candidato assumido, mas o facto de a competição se realizar em Lisboa poderá ser um grande revés para as aspirações da equipa do Castêlo.


Apesar de se ter qualificado para esta Fase Final como 2º classificado da Série dos Primeiros, a equipa do Lusófona VC é teoricamente a favorita para esta competição, quanto mais não seja porque joga na sua própria casa. Mas não só pelo factor casa se pode dar o favoritismo à equipa lisboeta, uma vez que possuí uma equipa jovem e dotada de bons valores. Na primeira fase classificou-se no 1º lugar com apenas duas derrotas, contra o Boavista FC fora de casa e contra o Castêlo da Maia em Lisboa, curiosamente nas duas primeiras jornadas do campeonato, um inicio mau que prontamente foi recuperado de uma forma fantástica, só vitórias até ao final. Na Série dos Primeiros a equipa da capital voltou a sofrer duas derrotas, no Castêlo da Maia e novamente frente ao nosso Boavista no Pêro Vaz de Caminha, e qualificou-se no 2º lugar dois pontos atrás da equipa maiata.
A qualidade da equipa e o factor casa pesam muito na balança em favor da equipa da Lusófona. No entanto o facto de terem terminado a Série dos Primeiros no 2º lugar poderá retirar alguma confiança à equipa. Também o facto da competição se realizar no seu pavilhão também poderá ter um efeito negativo, se a jovem equipa se ressentir da pressão que o favoritismo e o factor casa lhes colocou em cima dos ombros.

A equipa Açoriana do Santa Cruz SC irá ser a grande incógnita desta Fase Final, onde também esteve na época passada em competição com o GC Santo Tirso e o CF Belenenses. Apesar de entrar nesta competição como a equipa menos favorita, há que ter em grande consideração o campeonato que realizou na A2 Série Açores, nada mais nada menos que 20 vitórias em outros tantos jogos realizados, 60 sets ganhos e apenas 4 sets concedidos, 24 pontos à frente do ADRE Praiense, o 2º classificado. Um registo de respeito e que exige a atenção das equipas do continente.
A formação do Santa Cruz SC vem a Lisboa sem qualquer tipo de pressão e virá jogar completamente à vontade, factor que poderá ser preponderante nos resultados finais perante o favoritismo das equipas continentais. As açorianas são uma equipa a ter em conta.

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Iniciadas - Comentário da treinadora Filipa Teixeira à participação no TIVE 2011


Ficamos sempre com aquela sensação de que poderia ser melhor, no entanto estão todas, SEM EXCEPÇÃO, de PARABÉNS pela prestação neste Torneio. Elas é que merecem ser reconhecidas! Depois de todo o empenho, dedicação e sacrifício que esta equipa tem empregue ao longo da época, mereceram sem dúvida a subida ao Pódio do TIVE. (Um grande Obrigada à treinadora das Juvenis 1º Ano, Ana Cunha, pela disponibilidade na meia final e no apuramento do 3º Lugar).

Vamos já preparar o próximo Torneio e continuar a trabalhar para a conquista da Taça da AVP. Basta acreditarem.

Bamosimbora Inquipa.

Filipa Teixeira, treinadora Iniciadas

domingo, 24 de abril de 2011

Boa Páscoa

sábado, 23 de abril de 2011

TIVE 2011 - Iniciadas em 3º e Infantis em 8º


Realizaram-se hoje as finais do TIVE 2011, torneio que se realizou na cidade de Esmoriz com organização do Esmoriz Ginásio Clube.

A nossa equipa de Iniciadas jogou logo pela manhã o encontro que definiria o 3º e 4º lugares. O adversário era a Ala de Gondomar e as nossas Panteras não enjeitaram a possibilidade de subirem ao pódio e venceram as gondomarenses por 2-1. Com este resultado a nossa equipa terminou a competição num honroso 3º lugar. Parabéns à nossa equipa, assim como à sua treinadora Filipa Teixeira, pela prestação.

As nossas Infantis ficaram um pouco aquém das expectativas e qualificaram-se no 8º, e último, lugar da classificação geral. O jogo de hoje, frente ao CV Tocha, decidia os 7º e 8º lugares da competição. Perante uma equipa a quem haviam vencido na 1ª fase da competição, as nossas Panterinhas baquearam e foram derrotadas por uns claros 3-0. O último lugar do torneio deixa um sabor amargo, pois sabemos que a nossa equipa tinha qualidades para conseguir mais e melhor, de qualquer forma há que reconhecer o esforço das nossas pequenas Axadrezadas.

Terminou o TIVE 2011, mais uma vez com uma excelente organização do Esmoriz GC. Aguardamos já a edição de 2012!

sexta-feira, 22 de abril de 2011

TIVE 2011 - Resultados de hoje - 3º Dia


Realizou-se hoje o 3º dia de competição no TIVE 2011 que está a decorrer no pavilhão do Esmoriz GC. A nossa equipa de Iniciadas entrou bem neste dia vencendo a formação do GDC Gueifães por 2-1 em jogo a contar para os quartos-de-final da prova. Num jogo muito renhido, só na "negra" se decidiu o vencedor do jogo, as Panteras venceram o 1º set nas vantagens por 27-25 mas no 2º set as maiatas levaram a melhor por 22-25, na "negra" o sangue frio das Axadrezadas conduziu-as à vitória por 15-8, garantindo assim a passagem às meias-finais. 
Nas meias-finais as Boavisteiras encontraram a forte formação do SC Espinho, que desde logo garantiu a vitória do jogo nos dois primeiros sets com parciais de 17-25 e 18-25. No 3º set as Panteras garantiram o set de honra vencendo por 15-11. Amanhã, no jogo de atribuição de 3º e 4º lugares a nossa equipa defrontará a Ala de Gondomar pelas 10h45. FORÇA PANTERAS NA LUTA POR UM LUGAR NO PÓDIO!

As pequenas Panterinhas do escalão de Infantis perderam contra a equipa do Colégio do Rosário no jogo dos quartos-de-final por 3-0, com parciais de 25-14/25-13/15-6. Com este resultado as Boavisteiras entraram no lote de equipas que iriam disputar do 5º ao 8º lugar, onde encontraram a equipa do Esmoriz B tendo perdido novamente por 3-0.
Amanhã a nossa equipa irá disputar o jogo de atribuição de 7º e 8º lugares contra CV Tocha. FORÇA PANTERINHAS!!

Minis A - Video do Torneio de Páscoa

Este é o vídeo do Torneio de Páscoa que as nossas Minis A disputaram na semana passada na cidade da Póvoa de Varzim onde obtiveram o 2º lugar. Mais um contributo do pai da nossa Ritinha.

TIVE 2011 - O 2º Dia

No 2º dia do Torneio Internacional de Voleibol de Esmoriz as nossas Panteras mais novas continuaram o bom trabalho. As iniciadas de Filipa Teixeira começaram o dia com uma vitória por 0-3 frente ao CV Oeiras (18-25/18-25/10-15) mas perderam na parte da tarde frente à equipa da casa, Esmoriz GC. As Panteras até entraram melhor, ao vencer o 1º set por 25-13, mas no 2º set, de cabeça perdida acabaram por sofrer uma pesada derrota por 9-25. Na negra a equipa da Barrinha acabou por arrancar a vitória por 12-15. Amanhã, nos quartos-de-final, as Axadrezadas vão defrontar a equipa do Gueifães.

As infantis também começaram o dia com uma vitória, frente ao CV Tocha por 1-2. As atletas de Sara Gomes garantiram a vitória no jogo logo nos dois primeiros sets ao vencerem por 22-25 e 20-25. No último set as Axadrezadas cederam e perderam por 15-12. Na parte da tarde derrota por 0-3, frente à Ala de Gondomar, derrota expressiva se analisarmos os parciais - 14-25/15-25/2-15. A inexperiência nas nossas pequenas Panteras acabou por ditar uma derrota frente à forte equipa de Gondomar. Amanhã, nos quarto-de-final as Axadrezadas batem-se com a formação do Colégio do Rosário. FORÇA PANTERAS!

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Minis A - Torneio da Páscoa (Fotos)

Já estão disponíveis as fotos do Torneio de Páscoa de Minis A
VEJA AQUI

quarta-feira, 20 de abril de 2011

TIVE 2011 - Chegou a vez das Iniciadas e das Infantis

Começou hoje o Torneio Internacional de Voleibol de Esmoriz nos escalões de Iniciadas e Infantis. O Boavista, tal como aconteceu a semana passada com o escalão de juvenis, também marcou presença.

Entraram bem as nossas Iniciadas com uma vitória sobre o SC Arcozelo por 2-1. A vitória das axadrezadas ficou desde logo garantida nos dois primeiros sets, que as Panteras venceram por 17-25. No terceiro e último set, com a vitória garantida, Filipa Teixeira aproveitou para rodar o plantel tendo as nossas Panteras perdido por 15-5. Amanhã as Axadrezadas defrontam a equipa do CV Oeiras e a equipa da casa, Esmoriz GC.

Por outro lado as nossas infantis começaram com o pé esquerdo, num jogo contra a forte equipa do Esmoriz A, tendo perdido expressivamente por 3-0. O jogo das nossas Panterinhas não foi suficiente para travar a formação da Barrinha, prova disso são os parciais  do encontro (25-11/25-12/15-2). Amanhã as pequenas Panteras irão jogar contra o CV Tocha e a Ala de Gondomar. FORÇA PANTERINHAS!

Seniores - Fase Final será em Lisboa nos dias 29 e 30 de Abril, e 1 de Maio



Realizou-se ontem na sede da Federação Portuguesa de Voleibol o sorteio da Fase Final do Campeonato Nacional A2, assim como a divulgação do local onde se irá realizar esta competição. A Fase Final será realizada em Lisboa no pavilhão da Universidade Lusófona nos próximos dias 29 e 30 de Abril, e também no feriado de 1 de Maio.

Relembre-se que a nossa equipa garantiu a presença nesta Fase Final depois de se ter classificado em 3º lugar na 2ª Fase do Campeonato Nacional A2. Na Fase Final estarão, para além do Boavista FC, as equipas do Castêlo da Maia GC (1º classificado da 2ª fase), da Lusófona VC (2º classificado da 2ª fase) e a formação açoriana do Santa Cruz SC (vencedora da A2 - Açores).

O calendário da nossa equipa é o seguinte:

Sexta-Feira, dia 29 Abril, 21h30: Boavista FC - Castêlo Maia GC
Sábado, dia 30 Abril, 17h00: Lusófona VC - Boavista FC
Domingo, dia 1 Maio, 15h00: Boavista FC - Santa Cruz SC

O vencedor desta competição será consagrado Campeão Nacional da A2 com a respectiva subida ao escalão máximo. Vamos apoiar as nossas Panteras ao máximo! FORÇA PANTERAS!!

segunda-feira, 18 de abril de 2011

A história de um apuramento em imagens

 16h00 - O jogo começa

16h23 - Boavista faz 1-0 / Castêlo faz 1-0

 16h48 - Boavista faz 2-0


16h53 - Castêlo da Maia faz 2-0 e tudo termina

 (Fotos do jogo Boavista - Lusófona gentilmente cedidas por M. Pina)

Esta é a nossa Motivação: A União


Filme da autoria de Catarina Gomes

domingo, 17 de abril de 2011

Seniores - JÁ ESTÁ!!!

Boavista FC 3 - 2 Lusófona VC

"Já está", foi a frase mais ouvida esta tarde no pavilhão Pêro Vaz de Caminha. As nossas seniores carimbaram a passagem à Fase Final do Campeonato Nacional A2 com todo o mérito e com toda a justiça. A vitória de hoje frente à fortíssima equipa do Lusófona VC não foi mais do que o confirmar de uma qualificação pré-anunciada depois da brilhante vitória da semana passada em Paços de Ferreira. A Raça e vontade de vencer foram tão fortes que nem uma das melhores equipas da A2 conseguiu suster, foi uma vitória pela margem mínima, mas foi uma vitória justa. Só a vitória interessava para não depender de terceiros, e foi isso que aconteceu, foi limpinho mais uma vez. As noticias que chegavam de Castêlo da Maia, onde a equipa da casa bateu a Juventude Pacense por 3-0, já não eram necessárias, acontecesse o que acontecesse já estávamos na Fase Final. Parabéns.

Era preciso ganhar? Então vamos para cima delas com tudo!! Foi este o pensamento com que as Panteras entraram em campo no 1º set. O que se viu foi um Boavista simplesmente avassalador, demolidor, concentrado, eficaz e mortífero. Tudo saiu bem às Panteras que reduziram a muito pouco a grande equipa do Lusófona VC. No mínimo irresistível a exibição da nossa equipa! O resultado de 25-15 era o espelho do estado de alma da nossa equipa. Brilhante!

No 2º set a equipa lisboeta acertou um pouco mais o seu jogo, conseguindo dar mais luta ao Boavista. Mas hoje era o nosso dia, hoje só parávamos na Fase Final, fosse contra quem fosse. E perante a melhoria do jogo do Lusófona as Panteras mantiveram-se calmas e serenas no seu jogo de qualidade, e a vitória por 25-20 acabou por acontecer naturalmente, eram 16h48. 5 minutos depois, às 16h53, o Castêlo da Maia fazia o 2-0 frente à Juventude Pacense, neste momento todas as conjugações de resultados possíveis só ditavam um desfecho... a nossa passagem à Fase Final, foi a festa total na bancada, as atletas aperceberam-se do sucedido e também elas festejaram no campo. Mas ainda havia um jogo para ganhar!

No 3º set aconteceu o que não deveria ter acontecido... mas que acontece a todas as equipas nesta situação. A mente das Panteras estava eufórica pela passagem... a alegria incontrolável não deixou a nossa equipa jogar neste set. Alheadas desta situação, a equipa de Lisboa aproveitou, e bem, para vencer calmamente por 12-25. Mas quem ficou chateado com esta derrota no set? Cremos que ninguém!

O Lusófona estava motivado pela vitória no set anterior, e entrou neste 4º set com vontade de vencer e forçar o encontro a ser decidido na "negra". As Panteras já estavam mais calmas e concentradas, e fruto disso foi um jogo bastante equilibrado e com empates em vários parciais. Desde o prematuro 6-6 até ao 20-20 assistiu-se a uma toada de ponto cá, ponto lá. Mas quando as Boavisteiras venciam por 21-20, a equipa adversária conseguiu 4 pontos consecutivos e colocou-se mesmo à porta da vitória, que acabou por acontecer por 22-25. Era a negra num dia bem colorido!

Na "negra" o factor casa teve um grande peso. O público estava em êxtase e frenético no apoio incondicional às Panteras, o barulho era ensurdecedor. E a partir do 8-8 as Axadrezadas arrancaram a toda a velocidade para a vitória final empurradas pelo público. O 14-11 chegou... o público levantou-se... e o pontinho lá caiu para gáudio de todos. Vitória por 15-11, vitória por 3-2 e vitória nos objectivos da equipa.

Numa palavra: Fantástico! A vitória e a passagem à Fase Final foram o corolário de uma época de muito trabalho, de muito esforço, muita dedicação, muito coração e de muita Raça. Estas Panteras foram umas guerreiras dignas da camisola que envergam... e o Boavista digno das atletas que vestem a sua camisola. Foi um prazer seguir esta equipa ao longo destas duas fases. Só me resta dizer... Parabéns...e Obrigado. Na Fase Final lá estaremos para vos apoiar neste "guerra". Porque não sonhar??? Só não pode sonhar quem lá não chegou.

Agora é hora de festejar... pois afinal de contas... e como alguém nos disse: "Isto não é uma mera passagem à segunda fase, mas sim à FASE FINAL" E não é que tinha toda a razão? Vamos na Raça!! FORÇA PANTERAS!!

Minis A - Panterinhas em 2º lugar no Torneio da Páscoa

A nossa equipa de Minis A deslocou-se esta manhã à cidade da Póvoa de Varzim para disputar o Torneio de Natal da Associação de Voleibol do Porto. O torneio realizou-se no pavilhão do CD Póvoa e contou com a presença de várias equipas da casa, CD Póvoa, do GC Vilacondense e das nossas Panterinhas do Boavista FC.

O torneio de hoje teve um formato competitivo diferente dos restantes torneios, no entanto a nossa equipa A, com atletas mais experientes, esteve muito bem em todos os jogos realizados onde apenas foi derrotada por uma única vez. Pena que essa derrota tenha impedido que as nossas Panterinhas obtivessem a vitória no final do torneio. O 2º lugar é bom, mas as pequenas Boavisteiras queriam mais, fica para a próxima.

A nossa equipa B, composta pelas atletas mais novas, terminou a prova num honroso 7º lugar da geral. De realçar a boa prestação de algumas atletas que assim começam a mostrar créditos para uma futura passagem para a equipa A.

Uma bela manhã, numa bela cidade, num óptimo pavilhão e na melhor companhia possível, as nossas Panterinhas. A claque "Mini Panteras Negras" mais uma vez marcou presença no apoio habitual às nossas futuras craques. Obrigado pelo apoio, mais uma vez! FORÇA PANTERINHAS!!


Juvenis 1º Ano - Axadrezadas vencem em Vale de Cambra pela margem máxima

ACR Vale Cambra 0 - 3 Boavista FC

As nossas Juvenis de 1º Ano deslocaram-se esta tarde a Vale de Cambra para defrontar a equipa local do ACR Vale de Cambra. A jogarem fora de portas as nossas Panteras obtiveram uma importante vitória pela margem máxima de 0-3, conseguindo assim voltar às vitórias, e logo em grande estilo!

Foi um jogo em que as Axadrezadas conseguiram sempre superiorizar-se ao seu adversário dentro do campo, a melhor capacidade técnica e a maior experiência das Boavisteiras acabou por ditar leis no jogo de hoje. A aguerrida equipa valecambrense lutou como pôde perante o bom jogo do Boavista. Não surpreendeu ninguém esta vitória Axadrezada pela margem máxima.

Foi o regresso às vitórias da nossa equipa de Juvenis de 1º Ano, e só esse facto já é digno de um salutar registo. No entanto há que continuar a vencer de modo a conseguir trepar mais um pouquinho na classificação geral. As Panteras já só pensam na próxima vitória. FORÇA PANTERAS!! 

sábado, 16 de abril de 2011

Juvenis 2º Ano - Boavisteiras cedem em casa perante o CD Fiães

Boavista FC 0 - 3 CD Fiães

As nossas Juvenis de 2º Ano receberam no final da tarde de hoje a equipa do CD Fiães no pavilhão Pêro Vaz de Caminha em jogo a contar para o Torneio do 69º Aniversário da Associação de Voleibol do Porto. A equipa de Fiães superiorizou-se e acabou por vencer por 0-3.


O 1º set foi algo atípico para a nossa equipa. Sem nunca se conseguir encontrar em campo e sem nunca conseguir jogar ao seu nível, ficou completamente à mercê do CD Fiães que não se fez rogado e foi conseguindo uma vantagem dilatada durante todo o set. Foi com alguma surpresa para o público presente que resultado final ditou uma pesada derrota de 11-25.

Finalmente as Panteras conseguiram dar um ar da sua graça no 2º set depois do set inaugural ter sido para esquecer. Com um jogo mais certo e com algumas boas exibições de atletas Axadrezadas, a nossa equipa conseguia equilibrar um pouco mais o jogo, apesar da vantagem continuar a pertencer à equipa visitante, mas desta vez por números menos preocupantes. Mesmo melhorando o seu jogo e tornando o embate mais competitivo, as nossas Boavisteiras acabaram por saírem derrotadas pelo parcial de 17-25.

Por fim, no 3º set as nossas Axadrezadas conseguiram finalmente equilibrar o jogo, mostrando que a diferença entra ambas as equipas não pode ser avaliado pelos resultados dos sets anteriores, nomeadamente do 1º set. O domínio Axadrezado chegou mesmo a ser avassalador, com 10 pontos de vantagem (18-8) tudo se encaminhava para uma vitória tranquila, no entanto o desacerto voltou a atingir as nossas atletas que perderam completamente o controlo do jogo de uma forma quase inacreditável. A equipa de Fiães foi recuperando ponto a ponto, de tal forma que chegaram mesmo a uma vitória no set por 23-25 quando a derrota parecia certa. Incrível.

A vitória do CD Fiães não pode ser colocada em causa. Poderia ser colocada em causa se a nossa equipa tivesse jogado em todo o jogo como fez na primeira parte do 3º set, mas assim não aconteceu, a prestação no 1º set e na segunda metade do 3º set esteve muito longe de corresponder ao real valor da formação Axadrezada. Houveram momentos em que as Panteras jogaram bem e mostraram qualidade de jogo, mas não foi suficiente para evitar uma derrota pela margem máxima. Já passou e está passado, as nossas atletas aprenderam o que tinham a aprender, venha agora o próximo jogo! FORÇA PANTERAS!!

Infantis - Panterinhas sofrem pesada derrota frente ao Leixões

Boavista FC 0 - 3 Leixões SC

As nossas Infantis receberam esta tarde no pavilhão Pêro Vaz de Caminha a sempre complicada formação do Leixões SC. A equipa de Matosinhos conseguiu traduzir em números o favoritismo que tinha antes do inicio do encontro. Vitória por 0-3 para a equipa leixonense.

A formação do Leixões fez questão de mostrar logo no 1º set a sua maior maturidade em relação à nossa jovem equipa. As pequenas Boavisteiras viram-se em desvantagem no marcador desde bem cedo, e dessa situação nunca conseguiram recuperar. A vitória clara da equipa visitante neste set por 11-25 deixava antever um jogo bastante complicado para o nosso conjunto.

Se no set anterior a vantagem da equipa matosinhense já tinha sido grande, neste 2º set o fosso entre ambas as formações ficou ainda mais vincado. Neste set só deu Leixões para muito pouco Boavista, que não conseguiu incomodar minimamente as adversárias. O esforço Boavisteiro foi insuficiente para atenuar a imaturidade frente a uma equipa mais "calejada". Derrota por uns pesados 8-25.


No 3º set as Panterinhas melhoraram um pouco o seu jogo, fruto disso foi a maior dificuldade que colocaram ao Leixões, ainda assim foi insuficiente para impedir uma derrota expressiva de 13-25. Foi o melhor set Axadrezado.

Os números dizem tudo, foi uma vitória expressiva para o Leixões e não deixa escrever outra coisa senão que foi uma vitória justa para a formação matosinhense. Já se antevia um jogo de elevada dificuldade para as nossas Panterinhas, e isso confirmou-se dentro do campo, mais uma vez a imaturidade da nossa equipa foi o grande ponto fraco, e disso se aproveitou a bem mais experiente equipa do Leixões.

Derrota pesada que já está para trás, agora há que olhar em frente já para o próximo encontro. FORÇA PANTERINHAS!!

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Juvenis - 2º dia do TIVE



O 2º dia do Torneio Internacional de Voleibol de Esmoriz correu bem às nossas Juvenis de 1º Ano que venceram dois dos três jogos que disputaram. No primeiro jogo as Axadrezadas venceram por 2-1 a Escola Secundária Latino Coelho, com os parciais 25-15, 25-20 e 8-15. Na parte da tarde venceram o Nave 128 por 3-0 e perderam frente ao Castêlo da Maia por 1-2. Amanhã as Panteras da equipa B estarão presentes nos quartos-de-final onde irão defrontar a equipa do SC Arcozelo.

Pior correu o dia às nossas Juvenis de 2º Ano que continuam sem ganhar no torneio. De manhã perderam frente ao Amarante por 3-0 num jogo muito disputado (25-20/25-23/15-10) onde amarantinas acabaram por levar a melhor. Na parte da tarde as Axadrezadas perderam frente ao SC Espinho por 0-3 e frente ao CSC Maria por 2-1. Amanhã as Panteras disputam o 9º/10º lugares frente à Nave 128.

Seniores - Antevisao ao jogo de Domingo frente a Lusófona VC


"Domingo temos o ultimo jogo desta fase, tal como já tinha referido anteriormente, vai ser disputada ate ao ultimo ponto da ultima jornada. Neste momento apenas dependemos de nos, mas temos de ser fortes e guerreiros para vencer a Lusófona. A equipa esta em forma e tem mais que qualidade e capacidade para vencer. Esperamos o pavilhão com muito publico, e essencial para a nossa vitoria rumo a tão desejada fase final. Vamos na Raça!"

Paulo Pardalejo, treinador senior

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Juvenis - Começou hoje o TIVE


Começou hoje o Torneio Internacional de Voleibol de Esmoriz. As nossas equipas de juvenis marcaram presença no conceituado torneio sendo que as Juvenis de 2º Ano representam a equipa A e as Juvenis de 1º Ano representam a equipa B.

As primeiras a entrar em campo foram as atletas da equipa B, que defrontaram a equipa da casa, Esmoriz, num jogo que teve que ser resolvido na "negra". A vitória por 2-1 sorriu à equipa da casa que criou bastantes dificuldades às Axadrezadas ao nível da recepção, tendo vencido o 1º set por 25-20. No 2º set as Panteras deram boa réplica e venceram por 18-25, com uma melhoria significativa do seu jogo. Na negra foi mais forte a equipa da Barrinha que acabou por vencer por 15-10.

A equipa A entrou logo a seguir em campo tendo defrontado a formação do SC Arcozelo. As Axadrezadas até começaram por criar dificuldade à equipa gaiense, que só viu a vitória no 1ºset depois de se recorrer às vantagens (24-26), no entanto acabaram por se perder no jogo tendo perdido o 2º set por 11-25. No terceiro e último set as Panteras conseguiram dar um ar da sua graça tendo vencido por 15-7.

Amanhã avizinham-se novos jogos que as nossas Panteras tudo farão para vencer. FORÇA PANTERAS!

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Minis A - Vídeo do Torneio da FADEUP

Como tem vindo a ser hábito o Pai da nossa atleta mais nova, Ritinha, volta a contribuir para o nosso blogue com o vídeo do torneio organizado pela Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, no qual as nossas atletas escalão de Minis A participaram, obtendo o 8º lugar. Ao Sr. Armando voltamos a agradecer este contributo, que sem dúvida, nos torna diferentes de todos os outros.




terça-feira, 12 de abril de 2011

Boavista - Lusófona: Jogo para vencer rumo à Fase Final

Seniores - Declarações do treinador sobre a vitória em Paços de Ferreira

 
"Domingo demos um grande passo rumo à fase final, no entanto nada está decidido, fizemos um jogo brilhante, a equipa preparou-se com afinco durante a semana e isso viu-se no campo. Foram grandes e bravas. Vamos na Raça"

Paulo Pardalejo, treinador sénior

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Seniores - As contas do apuramento


Após a brilhante vitória de ontem em Paços de Ferreira as nossas Panteras ficaram a depender somente de si próprias para alcançarem a qualificação para a Fase Final do Campeonato Nacional A2. Na última ronda as Axadrezadas recebem a formação da Lusófona VC no pavilhão Pêro Vaz de Caminha, e em caso de vitória podem desde logo festejar a passagem à próxima fase. Analisemos então todas as conjugações de resultados possíveis.

Última jornada:
BOAVISTA FC - Lusófona VC
Castêlo da Maia GC - Juventude Pacense

Panteras passam se:
- Vencerem o jogo;
- Perderem o jogo por 2-3 e a Juventude Pacense não vencer por 3-0 ou 3-1;
- Perderem o jogo por 0-3 ou 1-3 e a Juventude Pacense perder.

Juventude Pacense passa se:
- Vencer o jogo por 3-0 ou 3-1 e o Boavista FC perder;
- Vencer o jogo por 3-2 e o Boavista FC perder por 3-0 ou 3-1.

A vantagem é para as Axadrezadas, mas há que contar com todos os resultados possíveis. Para não dar aso a muitas contas basta a nossa equipa vencer. E é para isso que vão trabalhar durante esta semana. FORÇA PANTERAS!!

domingo, 10 de abril de 2011

Seniores - Panteras de Raça passam em Paços

Juv. Pacense 0 - 3 Boavista FC

Realizou-se esta tarde na cidade de Paços de Ferreira, no pavilhão Municipal nº1, o jogo entre as equipas da Juventude Pacense e do Boavista FC. Era um jogo decisivo para nossa equipa, somente a vitória interessava para continuarmos na luta por um lugar na fase final do campeonato A2. Num campo sempre muito difícil, onde as últimas deslocações se tinham sempre cifrado em derrotas, as nossas Panteras não foram em tradições e venceram pela margem máxima de 0-3, ultrapassando as pacenses na tabela classificativa e mantendo-se na luta pela qualificação para a próxima fase, que apenas será decidida na última ronda. O jogo contou com a presença de muito público a apoiar as duas equipas sempre de uma forma salutar, uma boa tarde voleibol em Paços de Ferreira.

Logo no 1º set as Panteras entraram muito bem, sem cometer erros e com a concentração em níveis bastante altos. A boa entrada Axadrezada teve reflexo imediato no resultado, a vantagem inicial de 3-8 mostrava que a nossa equipa estava em Paços mesmo para vencer. O bom jogo Axadrezado continuava, anulando sempre as investidas da equipa pacense. O melhor que a equipa da casa conseguiu foi recuperar de 13-17 para 16-18, e daí não conseguiu passar porque o Boavista estava irresistivelmente compenetrado no jogo, para alegria dos seus adeptos presentes na bancada. A pequena recuperação pacense foi de imediato anulada, de tal forma que apenas conseguiram mais 2 pontos até ao final do set, fazendo as contas, a vitória por uns tranquilos 18-25 deixava no ar a ideia, que se viria a confirmar depois, que as Panteras iriam dar um grande ar da sua graça em Paços de Ferreira.

O 2º set voltou a trazer para o campo uma equipa do Boavista bastante coesa, no entanto neste set melhoraram as atletas da Juventude Pacense. A primeira vantagem digna de registo pertenceu à nossa equipa, um parcial de 5-8 que a equipa da casa anulou para 8-8, mas recuperação não foi total e as Boavisteiras voltaram novamente à dianteira do marcador, e fizeram-no de tal forma precisa que chegaram ao 11-17, o esboço da vitória neste set começava a aparecer, no entanto a equipa da casa arranjou forças para voltar ao jogo, e fê-lo conseguindo um bom parcial de 8-2, que deixava o resultado empatado a 19, o set estava novamente relançado. Seguiram-se vários empates nos parciais seguintes, até se atingir o 23-23, era o "matar ou morrer" e as Axadrezadas optaram, e bem, por matar. Foram 2 pontinhos consecutivos que deram a vitória no set às Axadrezadas por 23-25. Era o 0-2 e a certeza de 1 ponto na bagagem, mas não era isso que interessava à nossa equipa.

O 3º set começou de uma forma equilibrada, empates consecutivos nos primeiros parciais do jogo, situação que se manteve até ao 5-5, neste momento as Boavisteiras conseguiram um parcial de 0-5 e colocaram o resultado em 5-10. A esta vantagem da nossa equipa respondeu bem a formação da casa que conseguiu também ela um parcial de 5-0, que colocava tudo empatado novamente, desta vez a 10-10. E qual a melhor maneira de responder a um parcial de 5-0 para a Juventude Pacense? Com outro 5-0 em tons de Xadrez! E foi exactamente isso que aconteceu, fixando o resultado em 10-15. Os pontos iam-se seguindo até chegarmos ao 13-22, as portas da vitória estavam escancaradas para as Boavisteiras, mas uma grande recuperação da equipa da Juventude Pacense trouxe novamente a incerteza quanto ao vencedor do set, a recuperação da equipa da casa colocou o resultado em 18-22, que de seguida se transformou num 22-24, o esforço da equipa amarela foi bom, mas foi insuficiente, as Panteras não falharam quando não poderiam falhar, e o resultado disso foi uma vitória por 22-25. Era vitória no set e a vitória no jogo... a tradição já não é o que era!

A vitória de hoje em Paços de Ferreira teve tanto de fantástica como de justa em todos os aspectos. Em termos numéricos nada a há a dizer, um 0-3 que foi limpinho como a água. No entanto há que realçar a prestação das Panteras, foram eximias executantes do que lhes foi pedido pelo treinador Paulo Pardalejo, concentração, Raça e sem medo de olhar para uma tradição que apenas estava à espera de ser quebrada, foi hoje, e ainda bem que assim foi, era assim mesmo que tinha que ser, apenas uma vitória que garantisse os 3 pontos interessava para manter as Panteras na luta pela fase final. Foi pela margem máxima, tanto melhor, prémio justo para a equipa e para todos os adeptos que se deslocaram a Paços de Ferreira, eram em menor número do que os adeptos da casa, mas muito mais audíveis no apoio à equipa. Parabéns à equipa e parabéns aos adeptos, no fundo, parabéns ao Boavista.

Para finalizar, e utilizando um misto das frases chave desta época e da época passada: Fomos na Raça e (ainda) Estamos na Luta.